terça-feira, 16 de abril de 2013

OLHOS DE OUTONO (Kelson Oliveira)


Oak Acorn - Derek Ramsey (Ram-Man)



Só depois de muitos sóis
foi que chegamos numa árvore.
Mas você já estava cansado
e precisei correr meus braços
pra remexer
e te reencontrar
no assanhamento das folhas.
Foi por um triz que salvei teu olhar
de uma vida de chão:
nasciam raízes, eu vi,
já estavam se esticando.


______________
Kelson Oliveira [editor de Kaya] é poeta. Nascido e crescido entre caramujos, brisas, areais e outras sutis vidas do rio Jaguaribe, traz em sua escrita o voo das borboletas e o dourado do sol das tardes quentes de sua terra. É autor de Quando as Letras Têm a Cor do Sonho [2006],Para comover borboletas [7 Letras, 2010], dentre outros. Atualmente, faz doutorado em Ciências Sociais na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com sentimento sincero e responsabilidade, fique à vontade para comentar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...